4 ideias práticas para Roupa de ano Novo – sem comprar nada!

Comprar uma roupa para uma ocasião especial é das maiores furadas… Pode acreditar que após tal ocasião a peça vai ficar parada em seu armário…

Pensa no vestido que você comprou para o último ano novo, você usou quantas vezes ao logo do ano?

Mais bacana que ir ao shopping comprar roupa nova é comprar dentro de seu próprio armário! Acredite, seu armário tem muito potencial.

 

E atenção, Se você ainda acredita que é “tradição” usar roupa nova, clique aqui e leia este post!

 

Hi x low

Sabe aquele vestido de festa que você usou uma vez num casamento? Coloca ele com uma rasteira bonita ou uma anabela, acessórios coloridos, uma faixa de tecido. Tudo isso informaliza o vestido e faz o chamado high x low, mistura de opostos, look elegante, caprichado e fora do óbvio.
 

Branco total

Faz questão de passar de branco? Junte duas peças brancas que você terá o efeito de uma peça única.
E para deixar o look monocromático mais interessante, misture texturas diferentes!
 

Metalizados

Outra forma de sofisticar e dar cara nova a  qualquer look que já esteja em seu armário, é incluir um sapato metalizado!
Metalizados então super em alta, remetem a atualidade e sofisticação. Aposta certeira!
 

Beleza

Capricha na arrumação do cabelo e na maquiagem, assim qualquer looks básico fica elegante! Aproveita que é dia de festa, faz um olhão, usa aquele batom colorido, um coque bem alto, em fim, mil possibilidades, só mudando a beleza.
 

 

Capricha, que é se sentido segura e confiante dia após dia, que você fará um feliz ano novo!

 

Conte comigo e como toda Equipe do Portal Mulheres Bem Vestidas nessa caminhada! 

Faça seu feliz ano novo!

com Carinho, Fe Fuscaldo

Roupa Nova no Ano Novo

Vai chegando dezembro e começa uma corrida louca aos shoppings atrás da roupa nova para as festas.

Vamos parar com essa enganação de que roupa nova dá sorte no Ano Novo?

No fundo, no fundo, Você sabe que isso é uma bela desculpa para você ir ao shopping comprar uma roupa que vai usar um dia e depois vai ficar parada no armário.
O que dá “sorte” é como você decide encarar seu ano, como decide reagir aos problemas, aos desafios, quanto você se empenha para fazer acontecer.⠀⠀⠀⠀⠀

⠀⠀

Colocar esse peso na roupa que você veste é no mínimo inocente, e na verdade um comodismo.
E digo mais, como consultora de imagem, acho surreal e sei que a longo prazo só te atrapalha a ter o Estilo que deseja.

Manter essa “tradição” é corroborar para um ciclo que é feito pela manada e que só interessa a uma indústria.

 

Faça o Diferente

Quem não quer chegar ao fim do ano com a mesma “lista de metas” que começou, colocando culpa no ano, no outro, no governo, menos em si mesmo…⠀⠀⠀⠀
Quem quer finalmente se colocar como fazedora, protagonista, precisa questionar o status quo e fazer o que faz sentido para si.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Se faz sentido comprar mais uma roupa branca. Vai lá e vai sem culpa.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Se chegou a conclusão do contrário, mude de opinião e faça o diferente com segurança.
E se, tá afim de fazer o diferente em 2019 pode contar comigo e com toda Equipe do Portal Mulheres Bem Vestidas.

Feliz 2019!

Com Carinho, Fe Fuscaldo

Arrase Não Só No Ano Novo Mas Durante O Ano Inteiro

Vamos ser bastante sinceras? Comprar roupa para o Ano Novo na maioria das vezes é aquele elefante branco, com a liberdade do trocadilho, que você acaba não usando durante o ano, pois fica com muita cara de Reveillon e acaba não cabendo no seu dia-a-dia.

Se você de fato tiver a superstição que tem que passar de roupa nova e branca, na hora que você for comprar, opte por duas peças. Um conjunto, duas peças de mesmo tecido ou estampa, ou da mesma cor que também fazem o efeito de conjunto, dessa maneira, ao longo do ano você vai conseguir utilizar as peças separadamente tirando essa cara de Reveillon do look.

Ainda falando das duas peças, as vezes é bacana você não usar só o branco puro, talvez um off white, gelo, dourado, prateado, pois é muito mais versátil para você usar ao longo do ano.

 

 

Outra super dica, é você pegar uma roupa dos anos passados, que está lá, estacionada no seu armário e dar uma customizada nela, talvez uma faixa diferente, amarrar um lenço no lugar de cinto, fazer uma sobreposição para dar uma cara nova para aquela roupa que você usou uma ou duas vezes.

Antes de comprar, sempre vale a pena dar uma olhada no guarda-roupas, pois as vezes você tem uma saia bacana e só precisa da blusa ou vice-versa, dessa maneira compra menos, aproveita mais e ainda economiza e ainda tem a sensação de roupa nova, pela nova peça.

Para quem gosta de usar cores a favor da mensagem que deseja na passagem do ano, e sempre legal entender a psicologia das cores, para isso a gente recomenda o nosso curso Guia de Cores onde ensinamos tudo o que está relacionado a cada uma das cores de acordo com a psicologia das cores.

Veja o que as alunas falam do curso

 

Curtiu esse post?

Aprenda como usar Cores para dar mais personalidade a seus looks do dia e multiplicar as possibilidades de seu armário! Conhece nosso Curso de Cores.

Clique aqui para saber mais!

3 passos para Fazer Seu Feliz Ano novo

Eu já começo dezembro propondo 3 exercícios poderosos, que são 3 passos para te dar clareza de como seu ano valeu a pena, quais caminhos você deseja e porquê para 2018 e como começa-lo com pé direito!

Importante, não faça esses exercícios só mentalmente, escreva! Colocar no papel torna tudo mais real, torna tudo mais real e mais fácil e medir. Lembre-se esse exercício é só seu, ninguém precisa ver.

E se você acha tudo isso besteira, te pergunto: que tal tentar e ver se seu 2018 não será especial?

Exercício 1 – Clareza

Papel e lápis na mão, analise tudo que aconteceu em 2017, tanto para a vida profissional quanto pessoal:

Liste todas as coisas bacanas que aconteceram em seu ano => seja grata, antes de tudo, e procure entender o que fez para chegar lá

Liste todas as coisas que não saíram como desejado => Avalie porque não foi bom e o que você pode começar a fazer diferente. Aqui não é para se sentir culpada, apenas para acertar o rumo para o próximo ano.

#dicafefuscaldo: Autoconhecimento é algo que só você pode fazer por você mesma. E oh, não tem como fugir, tudo começa por ele: a realização pessoal, o sucesso profissional, o estilo…

Feliz Ano

Exercício 2 – Rumos

Com clareza de como foi seu ano, você está pronta para colocar no papel o que deseja. Novamente, vale para a vida pessoal e profissional. Olhe para sua lista de acontecimentos em 2017 e aprenda com ela.

E saiba, que quanto mais precisa você for nas metas, quanto mais detalhes, mais números, mais fácil será para traçar um plano para chegar lá. Escolha metas realistas e específicas, é muito melhor ultrapassar a meta, do que se frustrar por não realizar…

Colocar ‘ser feliz’ numa lista de resolução de ano novo é muito vago. O ideal é você destrinchar o que quer em tarefas que pode encaixar no seu dia a dia e que vão te ajudar a atingir esse objetivo. Por exemplo, fazer exercícios físicos duas vezes na semana é uma meta palpável e que vai te ajudar a ter uma vida mais feliz. Entendeu?

#dicafefuscaldo: Depois da lista macro, vá abrindo mês a mês, com ações. Ficará mais fácil de executar! (P.S: Eu ensino Consultoras de imagem a fazerem isso em seus negócios e só digo uma coisa, o resultado de cada aluna é sempre fantástico!)

Exercício 3 – Prepare-se

Liste quais ações concretas e práticas você precisa fazer para suas metas se realizarem.

Nessa hora, é preciso ser sincera consigo mesma. Pensar em 30 metas não é prático. Mas estabelecer 5 ou 6 com as quais você vai se comprometer de verdade já é mais do que suficiente – se cumprir todas até o meio do ano, já pode pensar em outras até dezembro!

#dicafefuscaldo: Aproveite os feriados que estão por vir para dar uma geral na sua casa, retirar os excessos e reorganizar. Tudo isso dá uma sensação de leveza, coloca na energia para circular.

P.S: Preparamos uma guia de revitalização do armário, clique para ler

Quer aprender ainda mais? Vem para o curso Clube das Mulheres Bem Vestidas!

Clique aqui para saber mais!

mulheres Bem vestidas

Advogado como aliado ao sucesso da empreendedora

Mais um ano se inicia e, como disse o poeta, “quem teve a ideia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial”. Esse começo nos remete à renovação da esperança, dos sonhos, à definição de novas metas e projetos. É tempo, também, de reorganização, balanço, de olhar para acertos e erros.

Neste contexto, propomos uma alteração de paradigmas, uma releitura do advogado como vetor de equilíbrio e de transformação social, como grande aliado da empreendedora. Empreender, muitas vezes, significa acreditar em um sonho e seguir em busca da sua realização.

Nesses momentos, é muito comum deixarmos de lado a razão e sermos arrastados pela emoção que costuma acompanhar a realização de nossas maiores aspirações. A constituição de uma empresa, porém, é tarefa que envolve riscos e burocracias. Logo, requer uma série de cuidados relevantes, que vão desde a definição do tipo societário a ser adotado, elaboração e registro do contrato social, até a escolha da forma de tributação mais adequada e menos onerosa para o seu negócio.

Por essas razões é que afirmamos ser de grande importância a escolha dos profissionais que estarão ao seu lado nesse momento inicial. A figura do advogado, portanto, torna-se indispensável à composição dessa equipe multidisciplinar, a qual tem por função primeira a efetividade do negócio idealizado.

O mundo de hoje – da sociedade da informação, da economia digital, do ‘Big Data’, das ‘startups’, dos novos marcos de responsabilidade empresarial – inspira um novo olhar para temas antigos, a quebra de paradigmas, o pensamento diferente, fora da caixa.

Devemos, portanto, repensar o jurídico, que não deve tratar apenas da atuação reativa, como forma de resolução de conflitos já instaurados, mas que também (e principalmente), deve se posicionar como aliado necessário ao sucesso de qualquer empreendimento.

Temos que estar presentes, advogado e empreendedora, juntos, em sintonia, desde o início do processo de constituição de um novo negócio, especialmente no cenário em que novos modelos e demandas surgem em alta velocidade, impulsionados pela tecnologia e pela internet.

Entendemos, assim, que a advocacia atual constitui uma ferramenta indispensável de ‘compliance’ (garantindo a conformidade com a legislação), de prevenção de conflitos e mitigação de riscos.

Reduzir riscos em tempos de crise econômica é vantagem competitiva. Frente à crise, há quem feche as portas e há quem cresça! Convidamos você a empreender e a crescer com segurança, consistência e relevância, alavancando seus resultados profissionais. Topam? Prontos para 2017?

Você tem uma empresa? Quer vê-la crescer? Conta para gente nos comentários!

aline-e-renata

Aline Guidorizzi é advogada formada pela Universidade Cândido Mendes, especializada em Direito Tributário pela UFF e pelo IBET. Atualmente, cursa pós-graduação em Direito Digital e Compliance. É uma das sócias da Yamada & Guidorizzi Sociedade de Advogados, com atuação preponderante na área contenciosa (judicial e administrativa) e consultiva em Direito Tributário, Empresarial e Cível. Fale com ela: contato@yamadaguidorizzi.adv.br