Quanto lixo você produz?

Você presta atenção em quanto lixo você produz? A questão do lixo não é meramente ecológica e passa por diversos pontos… saúde, desenvolvimento socioeconômico, segurança e principalmente qualidade de vida. O meio ambiente recuperado na área urbana diminui o nível de pobreza e com isso aumenta a sustentabilidade urbana.

Para reverter o quadro atual, ou seja, a disposição inadequada do lixo é preciso firmeza de propósito, estudo e parcerias que visem um objetivo comum aliado a uma gestão integrada do lixo que o relacione com os diversos setores da administração pública buscando uma simultaneidade, porque a questão ambiental atravessa as dimensões das questões públicas, sociais e políticas.

Um problema puxa o outro e a solução de um determinado ponto desencadeia uma série de benefícios para todos, logo toda sociedade que pensar na minimização e gestão do seu lixo e passar a tratar essa questão como ponto principal para seu desenvolvimento contribuirá para a melhoria da qualidade de vida.

Devemos agir como cidadãos educando a população no intuito de desenvolver consciência e comportamento adequados em relação ao lixo e ao meio ambiente e cobrando dos governos um maior empenho, pois o desenvolvimento urbano está interligado com questões que vão desde segurança a saneamento e gestão de lixo.

Vamos contribuir para a sustentabilidade urbana?

Agir Local, Pensar Global